segunda-feira, 16 de outubro de 2017

SORTEIO DE LIVRO #1


REGRAS:

1º SEGUIR O BLOG E INDICAR PRA 1 AMIGO
2º COMENTAR "EU QUERO" NA DESCRIÇÃO DA POSTAGEM

Este livro é um grande romance cheio de mistério e surpresas que vão te deixar muito preso a descobrir o real motivo de tudo. A personagem principal se chama Martha e sua personalidade na minha visão muitas vezes deixa a desejar sobre oque ela realmente quer.
Ela se apaixonou por Lucas quando era estudante de Medicina  e acaba ficando grávida mas quando vai contar para Lucas ele lhe conta que está indo terminar os estudos em outro País. Uma onda de acontecimentos começa quando Lucas volta e Martha já está casada e com uma família. Se permita a descobrir oque ela irá decidir fazer quando perceber que está sem saída.

"SERES HUMANOS PODEM NOS CONDUZIR AO PARAÍSO OU AO INFERNO. É DIFÍCIL SABER EM QUEM CONFIAR."

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

PRIMEIRAS IMPRESSÕES: EU SEMPRE FUI AZUL


Esta é a história de uma pessoa que foi forte demais, por muito tempo aguentou os socos que a vida lhe deu em silêncio, várias pessoas dizem que suicídio é sinal de fraqueza,  mas não é, pensa comigo é difícil segurar nas costas todos os problemas e ficar tentando salvar as pessoas, enquanto isso as pessoas só se afundam mais e isso te detona pessoalmente, foi assim para Paulo, o garoto de apenas 17 anos tinha que superar um problema gigantesco que acontecia frequentemente, seu pai era abusivo, e sua mãe era uma usuária de droga, trocava sexo por droga, muitas das vezes que fazia isso era quando Paulo ainda estava em casa, imagino o nojo e vergonha que ele sentia, um assunto tão delicado que eu no lugar de Paulo me sentiria um lixo e digo que ele até aguentou tempo demais, só não saberíamos que tudo iria ter outro rumo, nem mesmo Paulo imaginava.
O livro fala de suicídio de uma forma realista, de uma forma que quem já passou entende, depressão é uma doença complicada, ela pode ficar  amenizada por um tempo, mas ela sempre vai estar ali contigo e do nada as crises de pânico e depressão podem voltar, do nada tu pode sentir uma vontade tremenda de morrer e quando tu sentir isso se tu não quiser viver, tu não vai viver.
Os problemas que o Paulo passa muita gente passa, mas nem todos temos uma Alice na nossa vida para nos ajudar e nos impedir de cometer suicídio, no começo do livro temos a grande impressão de que Paulo não aguentaria e que realmente aconteceria um suicídio mas as coisas mudaram drasticamente.
Vocês também irão se surpreender assim como eu, quando li o motivo do livro ter este nome, isso tornou o livro único, interessante e completamente realístico, devemos  abrir os olhos para depressão é uma doença grave, e precisamos ajudar quem passa por isso, ajudar mesmo a pessoa não querendo ajuda, isso é ser humano, isso é ter coração, se importar com o próximo, se importar com uma vida.
Tive a honra de ler o livro antes de todos, me senti a pessoa mais honrada do mundo por ler uma obra de tamanha qualidade, não poderia deixar de citar aqui o grande escritor que Lorhan Rocha é,  com este seu segundo livro magnífico que você vai amar assim como eu amei, ele tem uma delicadeza e simplicidade para escrever que te faz ficar encantado, o realismo foi muito bem colocado e sei que este livro irá ganhar o mundo e o mundo irá ficar azul, todos nós iremos ficar azul depois de ler este livro, mergulhe nesta obra comigo, A PRÉ-VENDA COMEÇA EM OUTUBRO e vou trazer para vocês todas as noticias, aguardem ansiosos.
Nunca tinha lido um livro sobre depressão, achava até complicado ler algo sobre e também nunca me senti pronta para falar sobre isto, mas todos nós temos problemas e este livro me ajudou a enfrentar esses problemas, me ensinou a não ser uma Hannah Baker, este livro me ensinou que eu devo ser minha própria Alice Maravilha, eu devo ser a Alice Maravilha na vida de todos que precisam de ajuda.
Queria agradecer ao autor Lorhan por ter nos dado esta obra, a maior riqueza que podemos ter é um livro, fico muito grata e muito feliz porque as pessoas vão poder ler está obra e sentir o mesmo que eu senti, sentir amor, bondade, força e mudar o ponto de vista sobre quem somos e quem queremos ser.
Também queria agradecer a Editora Skull por ter sido tão querida com o Autor, por ter feito uma capa digna de aplausos infinitos, por ter feito um livro magnífico e vender uma obra que tem tudo para ser um Best-Seller, vocês precisam conhecer este livro. Obrigada Skull, Obrigada Lorhan.

Venha ficar azul comigo também!

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

A Batalha dos Mortos - Rodrigo de Oliveira #23

Rodrigo de Oliveira estreou com o grande livro "O VALE DOS MORTOS" que todos amamos e ficamos completamente surpreendidos pela tamanha qualidade e história incrível sobre APOCALIPSE ZUMBI que o Autor criou, nasceu em 1976 em São Paulo, Capital. Reside atualmente em São José dos Campos, interior de São Paulo, o nosso querido Autor é casado e tem dois filhos.
Além de ser um Escritor incrível, Rodrigo atua também como Arquiteto de Sistemas Sênior em SP e é certificado como especialista em gerenciamento de Projetos pelo Project Management Institute sediado na Filadélfia/Pensilvânia. Não só é especialista em escrita como também em outras áreas de profissão, Rodrigo é muito querido pelos fãs por ser tão educado e atencioso com todos, você irá se apaixonar não só pela obra mas também pelo ser humano que Rodrigo de Oliveira és.
No livro dois os zumbis acabam ficando em segundo plano, mas isso não significa que os zumbis não existam mais, as pessoas apenas se acustumaram com a atual situação e aprenderam a lidar com eles sem serem mortos e agora acabam enfrentando coisas que talvez possam ser pior que os próprios zumbis em si, os humanos.
Ao longo da jornada e do caminho que a família do Ivan traça, eles acabam encontrando um outro grupo que são formados por ex presidiários, que na verdade não são ex, porque acabaram fugindo quando o mundo era normal, eles fazem as pessoas de escravos e coisas terríveis acontecem com quem é escravo deles, o líder do grupo é completamente perturbado, ao decorrer da história o autor acaba colocando elementos sobrenaturais e isso só torna a história mais única ainda.
Você acaba se assustando e gostando muito das coisas que o autor coloca, se torna surreal e única em questão de apocalipse zumbi, fora que o autor tem um jeito especial de escrever sobre isso e tornar personagens simples tão especiais e marcantes.
O começo do livro se torna completamente eletrizante e isso te fixa de uma forma sobrenatural, apesar do segundo livro não focar muito nos zumbis isso não quer dizer que as pessoas tenham esquecido, só quer dizer que as pessoas conseguiram achar uma forma de lidar e se defender de algo que elas ainda não sabem explicar.
 Com o volume um da série de livros, ficamos surpreendidos pela forma que o vírus se espalhou, deixando quase toda a população transformada, quando tudo começou 2% da população desmaiou e isso deixou todos assustados com oque poderia estar por vir. Agora no segundo livro temos algo muito maior que precisamos vencer e se proteger, os humanos são uma ameaça constante.
Dei uma bela pesquisa e se no segundo livro os zumbis ficaram em segundo plano, no terceiro os zumbis irão voltar com tudo e de uma forma drasticamente grande, o perigo maior será os zumbis e como eles vão conseguir ou não fugir de vários situações de vida ou morte, que na verdade eles tem enfrentado desde o começo.
Oque deixou mais interessante a história é se passar no Brasil e na nossa cultura, a imaginação fica rica e com toda a certeza o autor conseguiu desenvolver muito bem o trama da história, o empoderamento feminino nessa série de livro é incrível, com toda a certeza é um livro que eu indico, as personagens femininas do livro são fortes, guerreiras e decididas, o absinto torna a história única, no volume um, o absinto passa pela terra mas não atinge a terra, só passou próximo e poderia ser visto por todos os humanos sem nenhum perigo.
Oque é genial da parte do autor, é ter criado o livro dele "Elevador 16" e fazer as histórias se cruzarem em algum momento, com o terceiro livro "A Senhora dos Mortos" em alguma parte da história as coisas irão se encontrar e você vai dizer "caramba, porque não li essa série de livros antes", super recomendo está leitura de série de livros pra vocês, é algo viciante e você vai ter um livro favorito em mãos.


NOTA DO RESENHISTA:

"Com toda a certeza a obra do Rodrigo se tornou minha favorita, eu como especialista em zombie e louca por zombie a mais de 7 anos fiquei completamente surpreendida, achei que a história não iria se desenvolver bem, mas Rodrigo conseguiu tornar o apocalipse dele ÚNICO, com toda a certeza é um dos meus escritores favoritos"

sábado, 26 de agosto de 2017

O Vale dos Mortos - Rodrigo de Oliveira #22

Rodrigo de Oliveira é um Escritor incrível, um gestor de TI e fã de ficção cientifica, dos clássicos do terror, em especial a obra de George Romero.
A série surgiu após um pesadelo tão real que, ao acordar, começou a escrever freneticamente, até concluir seu primeiro livro. Série de livros da “As Crônicas dos Mortos”.
The Walking Dead é sempre a referência quando se falamos em zombie, quando fiquei sabendo que existia um livro de apocalipse zombie aqui no Brasil, fiquei muito ansiosa para ler e saber se realmente era como todas as resenhas diziam, eu nunca ouvi tão bem de um livro.
A história que vocês vão ler aqui é muito surreal, no começo achei que não daria certo e que a história não iria se desenvolver num “apocalipse zombie” mesmo, mas o escritor mandou muito bem, criando situações incríveis e únicas. Tudo gira em torno de Estela, Ivan e seus dois filhos.
As coisas começam acontecer quando um absinto bem próximo a Terra, faz as pessoas entrarem em pânico, na família do Ivan ele e Estela agem um com o outro como se nada estivesse acontecendo, só depois de um tempo eles admitem um pro outro que quando a notícia do absinto tinha sido publicada eles tinham pensado em matar a família toda para não sofrer as consequências do que poderia acontecer.
Numa bela mãnha as coisas iriam mudar, estava uns 12ºC e a Estela resolveu colocar casacos nas crianças, logo a tarde a temperatura deu um pulo para quase 40ºC e então o pessoal resolveu tirar um dia de descanso, pensando até mesmo em ir para a praia mas no fim decidiram ir para um shopping, chegando lá foi difícil achar lugar porque estava realmente lotado, as pessoas estavam querendo ar-condicionado mas nem isso estava funcionando no shopping, era até mesmo mais quente lá dentro do que na rua. 
Estavam todos na praça de alimentação e do nada naquele calor terrível uma senhora caiu no chão desmaiada e todos pensaram ser pressão baixa por causa da intensidade da temperatura, e começou a se formar uma multidão e o Ivan e Estela não conseguiam enxergar nada claramente. Depois de uns minutos caiu outras pessoas, até que caíram quase 95% das pessoas que estavam no shopping.
 O Ivan e Estela ficaram paralisados por uns minutos, se perguntando oque estaria acontecendo, até que se tocaram que precisavam retirar as crianças daquele ambiente pois desconheciam oque estava acontecendo, o pior medo é não saber oque está acontecendo, é não ter conhecimento de uma coisa que não se pode controlar.
 Tentaram sair correndo mas estava muito difícil, até que pra tirar as crianças de lá tiveram que passar por cima de algumas pessoas, oque não gostaram muito mas no atual momento era questão de salvar as crianças daquela situação desconhecida.
E então aconteceu, quando eles estavam quase saindo de lá viraram para trás e viram a primeira pessoa que caiu no chão se levantando e quando olharam para o rosto da senhora, não existia vida, era vazio, os olhos dela estavam branco e não existe mais vida humana.
Quando de um segundo para o outro a senhora mordeu o seu próprio salvador, um senhor que tinha tentado acorda-lá, ela mordeu ele freneticamente, bem no pescoço e o Ivan e Estela surtaram vendo aquela cena, não sabiam oque estava acontecendo, só sabiam que era perigoso e podia machucar as crianças, pegaram as crianças com toda a pressa do mundo e saíram de lá.
Tinha inúmeras pessoas no chão e então eles resumiram que se as pessoas que levantassem do chão se tornariam seja lá oque aquela senhora tinha se tornado, apartir desse momento tudo mudou para eles e na vida deles, a questão agora não era ter uma vida normal, era sobreviver e manter as crianças vivas e protegidas.
É surpreendente como a história se desenvolve, pois o Ivan e Estela são perfeitos, são unidos, se amam e se protegem, Estela se tornou uma mulher muito forte e guerreira e o Ivan se tornou um líder nato para manter sua família viva.
Apesar de tudo a história querendo ou não fica americanizada, pois é como sempre tudo acontece tem um Líder e uma mulher forte do lado, mas contudo a história se torna única por causa do absinto e a forma que as coisas acontecem, a forma que o vírus se espalhou é surreal e isso torna as coisas interessantes e autênticas.
Uma visão científica que trás uma pergunta por trás disso, mas o livro é incrível, o mais incrível mesmo é que tudo é produzido no Brasil, cada cidade, cada shopping, isso trás um realismo e uma verdade profunda na história, oque torna melhor de ler, o realismo torna a história viva e possível, um possível bem distante mas fãs de apocalipse zombie sempre pensam nesta hipótese.
Nós vamos acompanhar todas as surpresas que esse mundo estranho vai propor a famíia do Ivan, vai surgir imprevistos, perigo de vida, a cada segundo que eles estiver sem abrigo, e mesmo que achem abrigo ainda assim não vão estar 100% seguros.
É muito interessante acompanhar a evolução da família, vamos ver um casal que se ama muito se tornar dois guerreiros que protegem seus filhos aconteça oque acontecer e isso é muito importante num apocalipse zombie, a família, a proteção, estar e cuidar de pessoas, porque dificilmente alguém sozinho sobrevive num apocalipse zombie ou algumas vezes é até melhor estar sozinho, porque pessoas podem atrapalhar, fazer barulho demais e isso chama a atenção dos zombies ou no mundo do absinto seja lá oque for.
A questão é que essa família aprendeu a se cuidar e aceitou essa nova realidade, e o desfecho da história é muito legal e vai te fazer ficar muito ansioso para ler o volume 2 da série “As Crônicas dos Mortos”.


NOTA DO RESENHISTA:
“Surpreendente é a palavra certa para meu sentimento com essa série de livros, é épico, é real, é interessante, é autêntico, dificilmente vamos encontrar livros assim que chamem tanto a atenção, o absinto com toda a certeza foi a parte que mais me instigou a querer ler a história e descobrir o porque de tudo, eu como conhecedora de zombies me apaixonei e pretendo ler toda a série das Crônicas dos Mortos, é muito bom, eu realmente recomendo se você quer um livro com ação, romance entre um casal guerreiro, terror, suspense e mais terror, Rodrigo de Oliveira me surpreendeu mesmo, já digo me tornei fã e minha nota é 11.0, merece muito ser compartilhado por todo o mundo e claro pelo nosso Brasil, SUPER RECOMENDO!”

EDITORA: Faro Editorial
PÁGINAS: 298
ESCRITOR: Rodrigo de Oliveira






terça-feira, 22 de agosto de 2017

SEGUNDA SEM CARNE


SOPA DE CENOURA DO AMOR



Sabe quando tu tem só cenoura, batata doce, cebola, cenoura e milho? Oque um Vegano com preguiça faz? UMA SOPAAAAA ISSO AI.

INGREDIENTES:
4 CENOURAS
2 CEBOLAS
1 BATATA DOCE
CALDO DE LEGUMES
MILHO
2 COLHERES DE FARINHA DE AVEIA

MODO DE FAZER:
Fritar alho e cebola e colocar a cenoura picada para refogar, depois colocar água para o cozimento, deixa mais ou menos 20 minutos até ficar bem macia, a água que está cozinhando tem que estar com o caldo de legumes já, retira a cenoura sem colocar o caldo fora, coloca as cebolas picadas da forma que quiser, com batatas doce e uma porção de cenoura picada na água do cozimento e deixa em fogo baixo. O resto das cenouras coloca no liquidificar com milho e tritura até virar uma pasta, quando tiver pronto deixa esfriar. O molho tu deixa ligado até os ingredientes ficar bem macio, principalmente a cebola, acrescente farinha de aveia, quando estiver no tempo certo acrescenta a pasta e deixa mais um tempo em fogo baixo e pronto sua sopa de cenoura está pronta e gostosa, RÁPIDA, FÁCIL, SIMPLES E MUITO SABOROSA.


domingo, 20 de agosto de 2017

TAG "My Book Of Ever" BY HORDA DE LIVROS

Está Tag foi a equipe Horda de Livros que fez, consiste em 7 perguntinhas super especiais sobre seu livro favorito.

1 - Quem deveria morrer?
2 - Quem não deveria morrer?
3 - Personagem favorito?
4 - Personagem inesquecível?
5 - Mudaria o ambiente do livro?
6 - Oque chamou a atenção na escrita do Escritor?
7 - Mudaria o designer do livro?

MEU LIVRO FAVORITO PARA TODA A VIDA É A MENINA QUE ROUBAVA LIVROS.

1 - Não me sinto na autoridade de escolher quem morrer, mas seria o Hitler tanto na vida real como na ficção.

2 -  Com toda a certeza, a perda de Rudy foi a pior coisa que já senti no mundo dos livros, personagem marcante, encantador, héroi e que poderia ter se casado com Liesel.



3 - Meu personagem favorito é Liesel, o amor dela pelos livros me lembra tanto a mim mesma.



4 - Como não ser o Rudy? Rudy me encantou desde o primeiro segundo, me apaixonei e me encantei, tanto que o livro é meu favorito, SOU COMPLETAMENTE APAIXONADA pela obra do Markus.


5 -  Acho que o Ambiente do livro foi perfeito, não poderia ser injusta opnando em fazer alguma mudança. 



6 - Oque me chamou a atenção na escrita do Escritor é a forma como ele nos prende, a forma como nos faz fixar tanto na história, por mais que todos os livros sejam incríveis sempre tem um e outro que nos faz navegar por muito tempo, também é muito legal o Markus entender bem sobre a Alemanha Nazista e poder colocar isso no livro de forma tão bem. 

7 -  Com toda a certeza não, o designer do livro é magnífico e nada precisa de mudanças. 


Essa foi a TAG espero que gostem e se gostar me mandem o link. <3 




100 Gotas de Sangue - Jhefferson Passos #21

Jhefferson Passos nasceu na grande São Paulo, vive atualmente em Araraquara.
Um escritor com um talento incrível de assustar e fixar o leitor em sua obra, você irá devorar seu livro em questão de minutos mas não digo o mesmo sobre dormir, se escolher ler a bela obra antes de dormir, confesso que a vózinha dos doces vai te atormentar, mas escolhemos 2 contos incríveis pra vocês COM SPOILER, e espero de coração que vocês comprem este livro, o acabamento do livro ficou incrível, parabéns a editora Iluminare.
Contarei do conto 38º Ficaremos JUNTOS, então ele encara sua própria namorada nua no chão - disse ele - prontinho, ela tentou falar mas não deu pois sua boca estava fechada por pontos. Ao ler aquela mensagem do seu celular para ele dizendo que logo estariam juntinhos, soube o que deveria fazer!
A ex estava com as costas costuradas ao seu amante nu.
Particularmente achamos esses contos extremamente pertubantes e a qualidade de escrita é muito grande, apesar de ser terror existe um humor negro no livro, que mesmo com coisas arrepiantes vai te fazer rir, claro pra rir você tem que ser meio louco, mas todos somos.
O conto que mais irá te atormentar e digo que vai tirar teu sono é o 81º Os Doces da Vovó, a neta morava com sua vó e a única regra era NUNCA, jamais sair do quarto depois da 00:00, a vó da garota sempre dizia que adorava cozinhar seus doces sozinha para vender na feira de Domingo. Certa vez a menina não aguentou a curiosidade e decidiu sair do quarto. Ao sair do quarto a menina vê sua vó na cozinha fazendo seus deliciosos doces e a vó fica enfurecida por ver a menina ali.
EU NÃO FALEI PRA NUNCA SAIR DO QUARTO - grita a vó - segurando a mãozinha de um bebê.
E o último pensamento da pobre neta é que agora sabia porque não existe crianças no vilarejo.
Claramente que este conto mecheu comigo, é um tremendo horror, mas pra quem gosta de terror vai amar os contos são bem aterrorizantes.
100 Gotas de Sangue acabou de ser lançado e você vai amar pois o acabamento do livro ficou incrível, Jhefferson Passos escreveu também "A Capela" e entre muitos outros, espero que tenham gostado da resenha e comprem o livro.

NOTA DO RESENHISTA:
"Eu dona do Horda de Livros, amei o receber este livro ao qual recebi com todo o carinho do mundo e ainda autografado, logo na primeira noite que recebi já li todinho, também depois foi díficil dormir mas sou uma lunática por terror, adorei conhecer a escrita do Jhefferson, já tinha lido também "A Capela" e amei muito, parabéns ao Jhefferson por tirar meu sono."

BOA LEITURA!


EDITORA: Iluminare
PÁGINAS: 53